Destaque

Imagens de tema por kelvinjay. Tecnologia do Blogger.

ÚLTIMA HORA

FICHAS SUJAS DE JAGUARETAMA - 2018

Fichas Sujas de Jaguaretama (imagem ilustrativa) VINTE, isso mesmo, 20 jaguaretamenses aparecem na lista dos FICHAS SUJAS!! O ...

Destaque

Política

Polícia

Esporte

Saúde

Vale do Jaguaribe

Sertão Central

» »Unlabelled » A PRÁTICA DE PERSEGUIÇÃO AOS SERVIDORES CONTINUA FORTE NA ATUAL GESTÃO...

O servidor Agnorberto Pimenta Peixoto, Fisioterapeuta, lotado no Hospital e Maternidade Adolpho Bezerra de Menezes (HMABM) informou no grupo "Frade Alerta" (WhatsApp) sobre as dificuldades que os gestores diretos da Saúde local lhes apresentam contra o simples ato de protocolar um Requerimento de Férias.
Ocorre que o servidor, na manhã de 22/06/17, solicitou a Sra. Raimunda Célia, assessora direta da Diretoria Geral do HMABM, para que obtivesse-lhe a autorização da Diretora para as sua Solicitação de Férias através da assinatura do formulário oficial existente para tais requerimentos. Após consulta direta à diretora, a assessora então repassou ao servidor a informação de que a diretora informou que tal autorização é obrigação da secretária da Saúde e não da Diretoria Geral do HMABM.
No entanto, do formulário oficial consta a solicitação de "ASSINATURA DA CHEFIA IMEDIATA", e esta chefia, no caso dos servidores lotados no HMABM é a Diretora Geral da repartição.
Assim mesmo, o servidor procurou a secretária da Saúde, tendo recebido da parte de servidores lotados na Secretaria da Saúde a informação de que a mesma não se encontrava no município e somente estaria presente somente no dia 25/06/17.
Evidentemente, trata-se de pura desfaçatez da parte da Diretoria Geral do HMABM uma vez que a mesma detém pleno conhecimento de que cabe-lhe a obrigação de autorizar o referido requerimento e também sobre a ausência da secretária do Saúde do município.
Resta saber que medidas serão tomadas pelo Executivo sobre este imbróglio.


Fonte: Redes Sociais

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Leave a Reply